Vice-presidente do Equador fala em 28 mortes; pa

Vice-presidente do Equador fala em 28 mortes; pa

 

Pautando Minas - O vice-presidente do Equador, Jorge Glas, confirmou que há pelo menos até o momento 28 mortes confirmadas no país após terremoto de 7,8 graus na Escala Richter. As autoridades equatorianas decretaram estado de emergência no país.

Glas apareceu em pronunciamento oficial à nação neste sábado, logo após a tragédia. O presidente, Rafael Correa, está no Vaticano onde foi recebido pelo Papa. Ele enviou "ânimos" à população equatoriana após informação do forte tremor.

Segundo Glas, o estado de emergência é necessário devido aos riscos de tsunami no local. O Centro de Alerta de Tsunami no Pacífico, com sede no Havaí, Estados Unidos, emitiu alerta de que ondas com 30 centrímetros a um metro de altura poderão acontecer. Contudo, o centro alerta que ondas mais fortes também poderão ser realidade.

Colunistas