IPC da Fipe desacelera para 0,05% no in

Algumas cestas de produtos tiveram inflação negativa

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), na cidade de São Paulo, desacelerou para 0,05% na primeira quadrissemana de setembro.

O grupo alimentação reduziu de 0,74% para 0,55%, a saúde desacelerou de 1,41% para 0,69%, as despesas pessoais passaram de 0,05% para -0,19% e educação passou de -0,05% para -0,12%.

Apresentou acréscimo, o grupo vestuário, que passou de 0,21% para 0,36%. A habitação passou de -0,57% para -0,40%. O grupo de transportes saiu de 0,02% para zero.

O IPC da Fipe abrange a variação de preços dos bens e serviços consumidos pelos moradores da capital paulista com renda entre um e dez salários mínimos.

Da Agência Brasil

Colunistas